domingo, 15 de abril de 2012

Voa andorinha, voa...

Acho que o beijo é importante...e se o beijo bate... se joga... se não bate...mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.
Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra.
O outro tem o direito de não te querer.
Não lute, não ligue, não dê pití.
Se a pessoa tá com dúvida, problema dela, cabe a você esperar ou não.
Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. (Arnaldo Jabor)

À revelia, sou obrigado a concordar...

3 comentários:

Lua Nova disse...

Às vezes, Placco, é exatamente desse tempo em que o outro esteve ausente que precisamos pra descobrir que há outro alguém mais perto do que conseguíamos perceber quando estávamos acompanhados...
A fila anda...
Seja feliz!!! Be happy!!!
Beijokas.

Audrey Andrade disse...

Às vezes, o tempo da ausência é essencial para que alguns percebam a falta do outro.

Meu carinho!
http://pequenocaminho.blogspot.com

Alê disse...

Edson,

Que saudade.

Bem vindo Andorinha... Estava saudosa de Ti, que tal como andorinha, foi ver outros céus, outras árvores...
Embora andorinha sozinha não faça verão,
Andorinha sozinha melhora o dia, daquele que precisa de um afago... Mesmo solitária, a andorinha...


Uma tarde de sol e cantos,


Um beijo em seu coração