quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

A PELE EM QUE HABITO...

Durante muito tempo, convivi com um corpo que eu olhava no espelho e dizia:- "Este não é o Edson"...e me negava a ver as alterações que o tempo tinha produzido em mim, e muito mais que isto, no que eu tinha me tornado, ou estava me tornando... Um senhor, gordo e barrigudo, que em nada batia com a imagem que eu tinha de mim, mas o espelho me apontava a verdade... Pois agora, eu começo a me re-encontrar, na pele em que habito e já começo a ver a possibilidade de re-conhecer-me  de novo diante do espelho, a ponto de me imaginar como na foto aqui postada... Cabelos mais brancos e mais ralos, um certo peso ainda nas costas, mas já posso enxergar de novo o menino que habita em mim, e que por sinal, continua o mesmo sonhador e apaixonado de sempre...

8 comentários:

Sonhadora disse...

Meu querido amigo

Que nunca adormeça a criança que vive em cada um de nós...mesmo que o tempo não perdoe e vá passando temos que manter o sonho vivo.

Deixo um beijinho
Sonhadora

Vivian disse...

...esta alma sonhadora jamais
lhe deixará envelhecer!

bjs, bonito!

Canto da Boca disse...

Essa é uma das melhores condições do ser humano: sonhar! Pois a partir disto, todas as possibilidades se ampliam e tudo pode acontecer.
Compraz-me saber que estás de volta a si mesmo, apesar dos cabelos mais brancos e mais ralos. Vez em quando necessitamos nos ausentarmos de nós, para nos observarmos melhor, e nos recuperarmos da vida que leva quase tudo como uma enxurrada.


E o que achaste do filme do Almodovar? Tenho escutado muito boas críticas...

Deixo um beijo, Edson, e um obrigadíssima pela música (mas acho que o site está corrompido, não abre), e pela sua presença sempre querida e amiga no Canto. Falar sobre a Concha, acho que foi uma das nossas primeiras aproximações, pois não?

;))

Alê disse...

Edson,

Primeiro: adorei a primeira foto... Cheia de sentimentos bons...


Que esses sentimentos sejam os que te preencham,
Que deles, venha a luz pra sua vida, seu caminho, seu caminhar


Carinhos mil

Mah disse...

A idade da gente tá na alma... e a sua, se assemelha à de um jovem de 30 aninhos...

=)

beijo

Pedro Terra disse...

Alma jovem, corpo jovem!
Um abraço

Canto da Boca disse...

Edson, vim deixar desejos de uma ótima semana. E agradecer o link, estou ouvindo a Concha Buika.

;)

Lígia Guerra disse...

...sonhador e apaixonado de sempre...

E (E)TERNAMENTE APAIXONANTE!