quarta-feira, 13 de julho de 2011

*Há histórias de amor que devem ser deixadas como ficaram.....

o tempo apaga o efêmero..... 

4 comentários:

Evanir disse...

Não posso
fazer crescer
um amor,
Como a força dos
ventos que
transmitem músicas
em danças de folhas
soltas,mais de mim,
uma gota que alimenta
esse clamor que ouço em
teu espirito.Sou feliz,
sou mulher que rensce
em cada gesto que
me toca, de um
limite que só existe
na distância
de uma dúvida
inexistente.
(j C Cavalcante)
Receba minha mensagem com muito carinho,
beijos no coração,,Evanir..

Alê disse...

Que forte essa canção:

Indo pra não voltar... Dizer adeus.

É preciso uma danada certeza pra fazer isso e nunca mais olhar pra trás,

Alguns conseguem, outros, escorregam,


É a vida,


Um beijo

Vivian disse...

...todas as histórias de amor
merecem ficar guardadas num
canto especial de nossas
emoções para ter certeza
de que de um jeito ou
de outro valeu a pena
vivê-las.

smacksssss

olhar disse...

sabe...eu já tentei "voltar" com algumas histórias de amor...e não dá certo...não dá mesmo...descobri que acabei perdendo aquele encanto que havia anteriormente...aquele brilho e aquela graça...por isto hoje, deixo cada coisa em seu lugar...
O que passou, PASSOU...e foi bom enquanto durou.

*águas passads não movem moinhos...

beijos !

Bia