quinta-feira, 28 de julho de 2011

Just playing the game to know!

Como é difícil encontrar o limiar entre o sentimento e a razão, se é que existe, pois se há algo que fazemos à medida que amadurecemos, é aprender a encontrar motivos para não entrar de cabeça em algumas situações que se nos apresentam.Aliás... situações não... pessoas!!!...Pessoas estas que chegam pra mexer as cartas todas do baralho, mesmo quando você está com suas canastras todas formadas..Aí vem a pergunta...Montamos de novo as mesmas canastras, ou começamos um novo jogo? Ou mudamos o jogo? Como saber? ......       Just playing the game to know!

7 comentários:

Walkyria Rennó Suleiman disse...

é....acho que o melhor seria rrumar outro parceiro...

Vivian disse...

...você acha que um coração
apaixonado aceita conselhos?

eu nunca ví isso acontecer.

bj, menino!

Sexo c/ Amor? disse...

Pra saber, só jogando!
Que venham as cartas.
beijos

Alê disse...

Quando amamos, nossos olhos seguem apenas uma única direção,


Bjs

olhar disse...

costumo não mexer em time que está ganhando...

e temos um péssimo hábito de achar que a grama do vizinho é sempre melhor que a nossa...

hé pessoas que passam uma vida mudando de grama...e no fundo...estão sempre sozinhas...

*tenha uma boa sexta-feira!

Um beijo!

Bia

Lua Nova disse...

Just playing... mas como é difícil tomar essa decisão. Comigo aconteceu algo parecido não faz muito tempo. Foi muito difícil dizer não, mas era o que eu tinha a fazer. Quase pirei!
Levo dentro de mim os olhos dele, mas o amor que me sustenta é o que me acompanha desde que me conheço por gente. Às vezes ele se eclipsa no cotidiano, na convivência, nas brumas do tempo, nas ansiedades da vida, mas nada me faz tanta falta quanto a mansidão e fortaleza desse amor.
Sei lá... cada um é cada qual... e o jogo é diferente para os diferentes jogadores, não?
Beijokas e... coragem!

C. disse...

Será que quando estamos predispostos para as cartas serem mexidas, já nao era porque o jogo estava perdido?
Pensei nisso agora, e pelo menos pra mim, quando aconteceu, é porque estava.
Uma coisa leva a outra, certamente. Nao acredito que aparece alguém do nada e nos deixa suspirando coracoezinhos, acho a predisposição nos deixa vulneráveis aos acontecimentos. Mas diz aí se nao viajei na teoria. Aliás, adoro uma hehe

Eu sou bem especial mesmo, só atraio blogueiro legal no meu blog... :))

Quando estiver de saco cheio de esperar todos os comentários carregarem, ali do ladinho em "comente por aqui também" na barra lateral, tem uma janela pop up.
Eu saí do blogger em junho e ainda nao encontrei o plugin dos comentários em janela pop up (aquela janelinha que abre em anexo).

Nao entendi o que quis dizer com nao ter indicacao dos meus fieis seguidores, só se estava fora do ar quando foi lá, mas inclusive tenho dois, porque fiz um google connector novo sem saber que podia apenas alterar o endereco que já tinha. Uma tosca, com certeza, mas vivendo e aprendendo a jogar. (adorei essa música em combinacao com o seu post, ficou super!)